Imagem do cabeçalho: "O Grande Canal de Veneza" (detalhe) de Turner

sexta-feira, 8 de abril de 2011

QUINZE PAISAGENS COM SOL, QUINZE COM LUA (30)

Por cima
a lua,
claro acrotério
que guarda
o hemisfério
escuro.

No centro
ultramar
puro
em faixa.

Mais baixa
uma área
viva
a exalar
uma sílaba
antiga:
mar mar mar mar mar.

E unindo
os planos
(verniz
aerosol)
o vento
frio
embriagando
meus cabelos
de arcanos.

Tudo
serena evidência
de paisagem
inequívoca
que remete
à minha ausência.

















Marcantonio

6 comentários:

Cris de Souza disse...

mas sua arte tem presença de espírito... e como!

que coisa mais bela, merece outro beijo.

Adriana Karnal disse...

e essa bússulo indicando ausência...lindo roteiro

Chorik disse...

Belíssima imagem!

Bípede Falante disse...

As paisagens costumam guardar ausências e as ausências costumam ser tela para uma cara de paisagem. Eu nem sei, que ando tão sem saber...
beijos

Renata de Aragão Lopes disse...

Adicionarei seu espaço
às "delícias alheias"
que acompanho e recomendo!

Um abraço,
Doce de Lira

Assis Freitas disse...

um tudo para representar a ausencia, tenho comigo que somos preenchidos de faltas,

abraço