Imagem do cabeçalho: "O Grande Canal de Veneza" (detalhe) de Turner

segunda-feira, 18 de outubro de 2010

PALAVRINHA (2)

8 comentários:

Lua Nova disse...

Temos que encará-lo sempre, nos 4 cantos da alma.
Beijokas.

Tania regina Contreiras disse...

Ele surge bem assim, nos quatro cantos de uma escuridão...
Abraços,

Assis Freitas disse...

medra,

abraço

Kenia Cris disse...

Esse quadradinho vai ficando grande, grande, grande se a gente não fizer dele origami de barquinho e depositá-lo na enxurrada.

Você é sempre poesia.

Beijo grande Marco!

Cris de Souza disse...

pra mim é palavrão...

cá entre nós, tenho medo de mim.

Maria Ribeiro disse...

É sentimento proprio de seres como nós...Que seriam os "ditos" humanos ,sem medo?Tanto pode cortar as liberdades, como permitia as anarquias...
BEIJO de LUSBERO

Bípede Falante disse...

Tira as letras e o preto levanta voo! Quer apostar?!

cirandeira disse...

Às vezes fico me perguntando:
- E se ele não existisse, do que seríamos capazes?

Beijo