Imagem do cabeçalho: "O Grande Canal de Veneza" (detalhe) de Turner

segunda-feira, 11 de julho de 2011

PROVAS DO ARTISTA (26)

SONETO

A noite antevista ainda na aurora,
Ressonam as ilusões, esses astros,
E sob o céu total azul-emplastro
Engasta-se turvo amanhã no agora.

Um dia não é suficiente e vasto:
O que quer que sinta pouco vigora,
Nada mais do que rápido antepasto
Na dieta crua que o tempo elabora.

Como cevar-me de planos seguros?
Meu cético apetite não se ilude
E considera a vida um fast food,

Pois num banquete-sem-data futuro
Eu não serei conviva ou convidado,
Senão o prato vivo a ser devorado.

Oswaldo Goeldi, Peixe e Gato, xilogravura, 1927

12 comentários:

Lara Amaral disse...

Demais, Marcantonio!

Beijo.

Celso Mendes disse...

No final, todos somos engolidos.

Então, vamos olhando os azuis enquanto azuis há.

abraço!

marlene edir severino disse...

Crucial certeza, poeta!

Abraço!

Chorik disse...

Sonetos não são para qualquer um. Você há muito provou não ser qualquer um. O poeta diante da certeza de que será digerido pelo tempo.

d'Alma disse...

"Devastador" soneto. Com a garra Poética dos Poetas!...

Gostei, sim senhor!...



Abraço

D.Everson disse...

cada dia mais requinte

Menina no Sotão disse...

Carissimo, ouso dizer que poucas vezes um poema se apresentou a mim como sendo uma leitura fiel do humano que vejo pelas ruas. rs

bacio

Ana Ribeiro disse...

O carpe diem revisitado. Bravo!

Cris de Souza disse...

delivery de poesia– me farto!

por peixe nenhum perderia este banquete, a fome até parece de gato mas é de leão, né.

beijão, mestre-cuca.

Marcelo Henrique Marques de Souza disse...

No final das contas, o caçador (e ser caçador tá longe de ser simples..) acaba virando caça, não tem jeito.. o deserto sempre vem capturar seus grãos de areia rebeldes..

Bonito poema.

Abraços

dade amorim disse...

Nesta vida antropófaga e oswaldiana, quem nao vai ser comido?
Soneto perfeito, Marco.
Beijo.

Pastelaria disse...

Olá
Antes de mais , parabéns pelo Blogue

Gostaríamos muito que desse uma vista de olhos no projecto DVB, de saber a sua opinião, e qual o interesse em desenvolver o seu trabalho neste novo formato.

www.pastelariaestudios.blogspot.com

\"Transformamos\" os seus trabalhos (já editados em livro, ou não ...), num DVB- Digital Video Book, uma ideia original da Pastelaria Studios Productions

Sem compromisso, escolha um dos seus poemas ou textos … e nós realizamos uma pequena amostra do nosso trabalho, é um presente nosso …para si …. :)

Um grande abraço desde aqui

Teresa Maria Queiroz