Imagem do cabeçalho: "O Grande Canal de Veneza" (detalhe) de Turner

domingo, 6 de março de 2011

QUINZE PAISAGENS COM SOL, QUINZE COM LUA (2)

Céu de lã cinzenta,
pesado sobretudo.

Numa fresta,
a lua-auréola:
botão de
madrepérola.

5 comentários:

Sam disse...

são olhos de coruja
essa fuga incansável
esse ato (im)possível
de se lamentar por nuvens
que nada gritam a sua ferozidade.
Ali, à esquerda do teu olhar
sempre há de ter alguma beleza
enluarada de sol
uma aquarela inteira
de noites minguantes
à declamaçòes cheias de vida
dentro da íris.

Beijo na alma!

escotilha disse...

marco,

noite de março,

casaco de céu.

belo jogo de acessórios!

um beijo.

Fred Caju disse...

Embora o palco seja seu, peço o microfone um instante só: http://fredcaju.blogspot.com/2010/09/haicai-de-24-horas.html

Tem tudo para ser interesante essa série! Abraço cansado de carnaval pernambucano.

Luiza Maciel Nogueira disse...

é isso, tão singelo a arte e a poesia que nesse momento são uma só :)

beijo

Cris de Souza disse...

quanta sutileza no traço...