Imagem do cabeçalho: "O Grande Canal de Veneza" (detalhe) de Turner

quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

APONTAMENTO NA BORDA DO DIA (11)

Cheiro de café.

Manhã envelhecida
que acolhe compassiva
as vozes da véspera.

Sinto certa náusea
pelas recorrências.
Certa náusea.
Nau-sea ! Nau-mar...
Ah, sim, se a nau ainda oscila
mesmo aportada.

10 comentários:

Mai disse...

Eita que achado!
nau-sea...nau-mar...bom demais!
nau em mar, viajar..dependendo da maré, enjoa que só vendo...
Vozes de vésperas...é feito ressaca com a casa inteira por limpar.

Ah! Cheiro de Café...E uma nova manhã abraça o horizonte!
com ou sem nau-sea?

Muito bom!

Lembrei Nietzsche e a sua Narrenschiff

Mai disse...

E ainda voltei porque esquecí de te dizer que a tua invenção:
nau-sea

ainda me lembrou o Bosch

Sobre este link, só tu saberás me dizer...

grande abraço e um dia bom!

Maria Rita disse...

Gostei de tudo por aqui, em especial do "pessimista esperançoso". Acho que temos algo em comum...rs

Beijos pra Ti

Fernand's disse...

jogo de palavras que me pegou.



adorei.
bjs meus

Bípede Falante disse...

Eu não sei.
Acho que já nasci enjoada.

Tatiana disse...

Quando a Nau parece sem rumo só nos resta o mar se acalmar...
Sempre bom passar por aqui!
Um abraço carinhoso

Cris de Souza disse...

quem vai pro mar se arruma em terra!

beijo, meu mago.

LauraAlberto disse...

espetaculo
e eu que adoro café!
Beijo
Laura

LauraAlberto disse...

viva satre!

betina moraes disse...

marco,

excelente percepção! colocar a nau, a náusea que causa a nau, etc...

sensacional!


parabéns!

você tem nos encantado com sua criação contínua (e de grande qualidade!)

sua vinda para o mundo dos blogs foi um acréscimo imenso.

abraços!