Imagem do cabeçalho: "O Grande Canal de Veneza" (detalhe) de Turner

domingo, 5 de dezembro de 2010

ILUSÃO

Dizer, dizer, dizer,
e novamente dizer,
até que a oração
perca os sentidos,
tal como o mundo
visível
que se diz maya.

Escher, Ordem e Caos

2 comentários:

betina moraes disse...

talvez ao exercício do desgaste a palavra se renda para ser menos volátil!

você tem razão.

abraços.

Cris de Souza disse...

repete, por gentileza...

não me canso de te ouvir!